quinta-feira, 17 de abril de 2008

Governo quer sacrificar macacos em Gibraltar

O plano do governo de Gibraltar de sacrificar 25 de seus 200 macacos-de-gibraltar, os únicos macacos selvagens da Europa, despertou a ira de ambientalistas. Os macacos vem causando perigo ao invadir a cidade em busca de comida, no Rochedo de Gibraltar. A ação já teria matado dois animais.

Macacos de Gibraltar

O governo do diminuto território britânico próximo à Espanha planeja sacrificar alguns dos macacos após explosão populacional. Os primatas sobem em carros, arrancam antenas e abrem mochilas de turistas desatentos, segundo aAFP.

O cuidado dos macacos é responsabilidade de um centro da cidade, que são contratados pelo governo, mas a sociedade vem se manifestando contra a medida. "Nossa política de matar os mais fracos pode ser a solução para o controle populacional mas só ocorre em casos extremos, quando não há outras opções disponíveis", disse o secretário do centro, John Cortes.

Segundo ele, a organização só recomendaria a medida após realizar uma consultoria veterinária e genética. Entretanto, o ministro do meio ambiente Ernest Britto disse que foi dada uma licença para a matança e que dois macacos já receberam injeções letais.

A responsável pela Liga de Proteção Primata Internacional britânica, Helen Thirlway, disse que o governo não conseguiu cuidar do macacos "de uma forma responsável".
Fonte: Terra (Brasil)

1 comentário:

sayrakidos disse...

que estupides
a culpa nao é dos macacos eles tem fome e o seu habitat esta destruido por isso tem que procurar em qualquer lado. Em vez de os matar porque que nao fazem um centro especial para animais selvagens parecido com o seu habitat e assim ningem ficaria prijudicado. Mas é mais facil matalos, nao somos nos que sofremos sao os macacos, prk se fosemos nos a sofrer já ninguem pensaria assim.

Estado de Conservação dos Animais:

Estado de Conservação dos Animais
Clica na imagem para mais informações

Rating