sexta-feira, 10 de agosto de 2007

Golfinho de água doce da China está provavelmente extinto

O golfinho de água doce do rio Yang-tzé, na China, cuja espécie há tempos estava ameaçada, já deve estar extinto, afirmou uma equipe de pesquisadores, segundo a qual se trata da primeira extinção de baleia ou golfinho em consequência das atividades humanas.

O baiji foi visto pela última vez há anos, e uma busca intensa de um mês e meio, no final de 2006, não conseguiu localizar nenhuma evidência de que a espécie tenha sobrevivido, afirmou Samuel Turvey, biólogo conservacionista da Sociedade Zoológica de Londres, que participou da pesquisa.

Para ele, o desaparecimento do golfinho -- em consequência da pesca predatória, da poluição e da falta de providências -- tem de servir de exemplo, e incentivar governos e cientistas a agir para salvar espécies à beira da extinção.

"O nosso foi o primeiro estudo científico que não achou nenhum", disse ele numa entrevista por telefone. "Mesmo que restem alguns, não sabemos onde estão e não podemos fazer nada para evitar sua extinção."

A equipe, que publicou suas conclusões no Journal of the Royal Society Biology Letters de quarta-feira, era composta de pesquisadores dos Estados Unidos, da Grã-Bretanha, do Japão e da China. A pesquisa foi autorizada pelo governo chinês, disse Turvey.

O último registro confirmado de um baiji aconteceu em 2002, o mesmo ano em que morreu o último em cativeiro.

A busca feita pela equipe incluiu varreduras visuais e acústicas. Foram usados dois barcos para percorrer 1.669 quilômetros, desde a cidade de Yichang até Xangai.

A última busca do tipo, entre 1997 e 1999, havia encontrado 13 animais, mas Turvey disse que a pesca, a poluição e o tráfego no rio devem ter significado o fim do baiji. Dez por cento da população mundial vive à beira do rio.

"Cobrimos a extensão duas vezes", disse Turvey. Os golfinhos passarão a ser classificados como possivelmente extintos.

"É preciso aprender com isso a tornar os esforços futuros pela conservação mais dinâmicos", afirmou. "Sempre se falou tanto de 'salvem as baleias' que esses cetáceos acabaram escapando."

Free Image Hosting at www.ImageShack.us

Golfinho de Água Doce

(Clica na imagem para ampliar)

Fonte: Reuters

2 comentários:

daniela disse...

era só para avisar que o teu link tem um erro... vai ter a outra página quando se carrega no link...

daniela disse...

meteste http://endangeredspecies.blogspot.com/ em vez de http://endangeredspeciespt.blogspot.com/

Estado de Conservação dos Animais:

Estado de Conservação dos Animais
Clica na imagem para mais informações

Rating